11/08/2011 – Sindigraf-PE sedia Encontro dos Gráficos do Norte-Nordeste e Centro-Oeste

Sindigraf-PE sedia Encontro dos Gráficos do Norte-Nordeste e Centro-Oeste

Dirigentes dos sindicatos dos trabalhadores gráficos do Pará, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia marcaram presença no Encontro Regional dos Gráficos do Norte-NE e Centro-Oeste.
Representantes das entidades paulistas dos municípios de Jundiaí e Santos também prestigiaram o encontro, que foi realizado na sede do Sindicato dos Trabalhadores Gráficos de Pernambuco (Sindgraf-PE), nos dias 9 e 10 de julho. O evento foi coordenado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores Gráficos (Conatig).

As conjunturas organizativa, social e política de cada sindicato foram demonstradas por cada liderança presente. Os enfrentamentos com o patronato e os desafios para garantir o fortalecimento político, econômico e social dos trabalhadores gráficos foi bastante evidenciado por todos. O rápido avanço tecnológico no setor gráfico e suas implicações que vêm promovendo uma veloz reformulação no perfil da categoria foi outra abordagem. O enquadramento profissional dos trabalhadores das “gráficas rápidas” também marcou os debates.

Questões relacionadas aos meios de comunicações utilizadas pelas entidades de classe para com a categoria, bem como o famigerado banco de horas, que tem retirado o trabalhador de sua casa para aumentar mais ainda a produtividade das empresas, rederam muitos debates no encontro. Também foram analisados os pisos-salariais, data-base, número de filiados mediante ao quantitativo de gráficos nos respectivos estados, bem como as permanentes, porém, tímidas campanhas de sindicalização.

O debate acerca da criação de uma entidade interregional que integre e atenda as necessidades específicas das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, foi o ponto auge do evento. Após acalorados debates, a definição de iniciar os primeiros movimentos institucionais para a fundação de uma entidade de grau superior foi aclamado por consenso. Os representantes dos estados de Goiás e Tocantins tiveram problemas para chegar ao encontro, mas comunicaram antecipadamente que a decisão da maioria seria acatada por eles.

De acordo com o presidente da Conatig, Leonardo Del Roy, presente no encontro, os dirigentes sindicais tomaram uma decisão muito importante para o desenvolvimento dos trabalhadores gráficos do Norte-NE e Centro-Oeste. “É um caminho formidável. A ação sindical é quem vai imperar”, diz, ressaltando que a Confederação vai dar todo o apoio necessário para os encaminhamentos nos processos de formação da nova entidade. “Toda ação deve ter o gráfico como finalidade maior”, destaca.

De acordo com o presidente do Sindgraf-PE, Iraquitan da Silva, anfitrião do evento, está foi uma demonstração de unidade e força das entidades participantes. Para o representante os trabalhadores gráficos da Região Norte, o dirigente do sindicato do Pará, Martinho Souza, o objetivo do encontro foi atingido. “Espero que tudo que foi discutido seja alcançado”, diz, ressaltando que o é fundamental trabalhar para a organização dos trabalhadores gráficos. Na avaliação do dirigente baiano, Gustavo Miranda, o encontro foi muito proveitoso. “Agregamos a turma do Norte-Nordeste e Centro-Oeste. Estamos iniciando um novo processo organizativo das entidades, conta, ressaltando que é um período de oxigenação”, conta.