Bilhete Único representa vitória da classe trabalhadora

O movimento sindical representado por Douglas Yamagata, presidente dos Bancários, Leandro Rodrigues, presidente dos Gráficos, Vitor Machado, diretor estadual da CUT e Edilson de Carvalho (Alimentação) juntos com o prefeito Pedro Bigardi

O movimento sindical representado por Douglas Yamagata, presidente dos Bancários, Leandro Rodrigues, presidente dos Gráficos, Vitor Machado, diretor estadual da CUT e Edilson de Carvalho (Alimentação) juntos com o prefeito Pedro Bigardi

A partir de setembro começa a funcionar em Jundiaí o sistema Bilhete Único nos ônibus urbanos da cidade. O projeto foi anunciado pelo prefeito Pedro Bigardi no dia 23 de abril e representa uma vitória da classe trabalhadora, por meio do movimento sindical filiado a CUT, que se reuniu em diversas ocasiões com o prefeito cobrando este projeto que poderá beneficiar milhares de usuários do transporte público do município.

O projeto de lei deve ser enviado este mês para a Câmara Municipal para apreciação dos vereadores. Também existe a possibilidade da proposta ser implantada na região, dentro do aglomerado urbano.

Com o Bilhete Único – sistema que unifica o acesso aos ônibus urbanos – o usuário pagará apenas uma tarifa e poderá acessar qualquer linha, dentro de um período determinado de 1h30, sem a necessidade de ter de se deslocar até os terminais para fazer essa mudança.

“O Bilhete Único garante maior acessibilidade do transporte público, além de maior segurança e conforto”, comentou Pedro Bigardi.

Atualmente aproximadamente 130 mil pessoas utilizam diariamente os ônibus para se locomoverem pela cidade. Parabéns ao movimento sindical de Jundiaí por mais esta conquista!!!