ENQUANTO BOLSONARO ATACA FGTS, SINDICATO GARANTE 14º SALÁRIO AOS GRÁFICOS DE POUPA TEMPO E CIRETRANS

Enquanto o governo estuda o confisco do direito do trabalhador ao saque total do dinheiro do FGTS e analisa ainda a redução do direito ao dinheiro da multa de 40% deste Fundo de Garantia do Trabalhador, o Sindicato dos Gráficos de Cajamar, Jundiaí, Vinhedo e região (Sindigráficos) evolui em mais direitos econômicos e o emprego para a categoria. Até o começo de agosto, estará assinando um Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) com a Valid, empresa de impressão de segurança. O ACT estimula a produção e o emprego dos 75 gráficos das unidades de Poupa Tempo e Ciretrans nos municípios da região, acompanhados do direito ao 14º salário a todos.

O 14º salário derivará do merecimento do gráfico pelos serviços prestados ao longo deste ano. Cada empregado receberá um salário extra idêntico ao valor da remuneração nominal e ao 13º salário do final do ano. O valor do benefício financeiro extra está condicionado às metas de produtividade ao longo de 2019. Pelos termos do acordo, será analisada toda produção de 1º de janeiro deste ano até o dia 31 de dezembro”, explica Leandro Rodrigues, presidente do Sindigráficos. O termo final do acordo de PPR foi redetalhado com Karen Eloá, supervisora de administração da Valid.

O ACT garante também que todos os gráficos da Valid na região recebam o 14º salário mesmo se não atingirem as metas de produtividade postas. O valor será um pouco menor do salário nominal de cada trabalhador. No entanto, todos receberão o valor da Participação dos Lucros e Resultados (PLR) em que todos gráficos paulistas ganham anualmente com base na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. “Apesar disso, não atrelaremos nenhuma contribuição financeira do empregado ao sindicato. Contribui apenas quem quiser. O ideal é que se sindicalizem AQUI e fortaleçam a unidade dos trabalhadores em defesa de seus direitos”, conta Leandro.

Pelo acordo, os gráficos da Valid receberão o 14º salário em uma única parcela em abril de 2020, após a produção e trabalho ao longo deste ano. Em abril deste ano, todos receberam a remuneração extra com base no mesmo acordo firmado no último ano. Esta e a 1ª vez que o Sindigráficos renova este ACT. Antes, o benefício financeiro era garantido através da ação e negociação direta da Federação Paulista dos Gráficos (Ftigesp).

Além do ACT para garantia da produção, trabalho e 14º salário do gráfico, o Sindicato também garantiu a renovação de um outro acordo em defesa de outros direitos do trabalhador da Valid. O Sindigráficos é o único dos sindicatos da classe paulista onde tem a obrigatoriedade da homologação da rescisão contratual do empregado. O acordo garante a fiscalização dos direitos e pagamento de verbas rescisórias do funcionário após demissão.