BERCRON PODE FIRMAR 1ª ACORDO COM SINDICATO PARA MELHORAR JORNADA DE TRABALHO DOS SEUS GRÁFICOS

Pode acontecer nas próximas semanas uma mudança, para melhor, na jornada de trabalho dos gráficos da Bercron. A empresa, localizada em Valinhos, que atua no segmento de livros, tem crescido desde 2016. Porém, desde então, ela tem sido questionada pelo Sindicato da classe (Sindigráficos) por práticas de jornada excessiva contra os funcionários. E, agora, após continua cobrança de sindicalistas, que reuniram-se com os donos da empresa, os gráficos do 3º turno poderão deixar o labor no domingo e os que atuam no 1º e 2º turnos poderão conquistar a jornada em regime de sábados alternados, deixando de laborar todos sábados.

Um Acordo Coletiva de Trabalho (ACT) pode virar realidade. O assunto está sendo negociado entre o Sindigráficos e os donos da Bercron, que reuniram-se no último dia 9. Está na pauta até feriado do Dia do Gráfico (7 de fevereiro). Haverá uma nova rodada de negociação entre eles. E a questão poderá ser levada para os atuais 66 trabalhadores, onde muito deles, infelizmente, ainda não se sindicalizaram, o que pode atrapalhar  a conquista deste acordo ou outras melhores em favor deles mesmos.

O Sindicato não desistirá de defender os trabalhadores e conta com a sindicalização de todos para fortalecer o avanço na melhoria da jornada. “O órgão deve voltar a se reunir com os donos da Bercron nos próximos dias para buscar efetivar tais propostas do ACT”, diz Leandro Rodrigues, presidente do Sindicato, confiante no avanço de novos sócios e do ACT. Na sequência, se tudo evoluir bem, os trabalhadores serão consultados.

O sindicalista aproveita para lembrar da ampliação dos empregos na Bercron depois das cobranças sistemáticas da entidade desde 2016, quando foi verificado o aumento da demanda produtiva no local. Houve uma ampliação de 30% dos empregos e a compra de máquinas. Foram contratados mais oito gráficos em 2016 e mais 11 durante este ano.

As contratações estão ocorrendo justamente para evitar a extrapolação da jornada de trabalho dos empregados do local, conforme foi revelado pelos donos da Bercron (Danilo, Bruno e Reinaldo Beto) na reunião com o Sindigráficos.

Na ocasião, os empresários se mostraram favoráveis aos termos postos firmar o ACT. Nele, os gráficos dos 1º e 2º turnos deixam de laborar todos os sábados e passa a ser feito alternadamente.Em relação aos gráficos do 3ª turno, não trabalham mais nos domingos, caso o acordo coletivo de trabalho seja concluído entre todas as partes.

“Gráficos da Bercron ainda não sindicalizados, filiem-se à entidade de classe e ajudem a fortalecer esta luta pela melhoria da jornada laboral”, diz Valdir Ramos, diretor do Sindicato. Este será o 1ª ACT da Bercron se tudo der certo, onde até o Dia do Gráfico passa a ser feriado para todos.