FASSAQUI PASSA A PAGAR PLR E CESTA BÁSICA COM AÇÃO DO SINDICATO APÓS INÍCIO DA APROXIMAÇÃO DE GRÁFICOS

Os gráficos da Fassaqui, em Campo Limpo Paulista, ganharam coragem e denunciaram o descumprimento de direitos da Convenção Coletiva de Trabalho ao Sindicato da classe (Sindigráficos). Depois deste início de organização no local do trabalho, já conquistaram bons resultados para todos os trabalhadores da empresa. Passaram a receber cesta básica mensal e PLR desde o mês passado. O direito nunca foi pago antes no local e eles nunca havia denunciado tais irregularidades antes. Agora, a situação já mudou positivamente depois que decidiram se aproximar do sindicato, denunciando a questão. A empresa logo foi chamada para o cumprimento dos direitos contidos da Convenção Coletiva de Trabalho. A garantia posterior do cumprimento dos direitos e demais melhorias dependem da plena organização dos gráficos em torno do sindicato. Todo gráfico tem direito a ganhar bônus financeiro após ter laborado na empresa no ano anterior. O bônus chama-se Participação nos Lucros e Resultados (PLR). O menor valor é de R$ 605,72. O pagamento deve ser feito em duas parcelas. Pela convenção, a PLR varia de valor pelo número de gráficos por empresa. A 1ª parcela pode ser de R$ 302,86 (até 19 funcionários), R$ 322.60 (de 20 a 49), R$ 383,03 (50 a 99) e R$ 445,40 acima de 100 gráficos. A data limite do pagamento foi em abril.

“Desse modo, exigimos da Fassaqui o pagamento no respectivo mês”, conta Jurandir Franco, diretor do Sindigráficos. O contador da empresa confirmou a quitação e garantiu o pagamento da 2ª parcela em outubro. Nenhum gráfico da Fassaqui iria receber este bônus financeiro se não iniciasse a aproximação ao seu sindicato em busca de seus direitos. A empresa foi fundada em 2015 e nunca havia pago antes a referida PLR.

A denúncia dos trabalhadores também garantiu a eles o recebimento da cesta básica. “O contador da empresa confirmou que já começou a ser distribuído o alimento aos funcionários desde abril e passará a pagar todos os meses, como trata a convenção”, diz Franco, que participou da reunião com um dos representantes da gráfica há algumas semanas. A empresa também oferece refeição aos trabalhadores durante o serviço.

O fato mostra que quando a categoria se aproxima do Sindigráficos há melhorias na vida dos trabalhadores. Somente um sindicato forte pode garantir tais evoluções permanentes. As empresas costumam respeitar mais os funcionários quando são sindicalizados. Assim, todos gráficos da Fassaqui e demais empresas de Cajamar, Jundiaí, Vinhedo e região precisam se associar à sua entidade de classe. Sindicalize-se AQUI!