GRÁFICA CAMARGO/THOMPSON SONEGA PARCELA DA PLR, ATRASA SALÁRIO E ENTREGA A CESTA EM QUALQUER DATA

camargo1

A gráfica Camargo e Thompson, situada em Vinhedo, passou a atrasar o pagamento salarial dos trabalhadores a partir deste ano. O salário deve ser quitado até o dia 5 de cada mês, conforme trata a Convenção Coletiva de Trabalho da classe. Porém, a empresa vem descumprindo a regra e ela é reincidente. Tal conduta irregular já foi praticada em 2014.  Tanto no passado quanto agora, denúncias logo chegaram ao Sindicato da classe (Sindigráficos), que entrou no caso esta semana e já visitou a gráfica para tratar desta sonegação. A ida ao local também objetivou a cobrança de outras irregularidades denunciadas, como, por exemplo, o não pagamento da 1ª parcela da Participação dos Lucros e Resultados (PLR) e a falta de padronização da data para a entrega da cesta básica.

camargo2“O Sindicato adianta que não hesitará de acionar ação de cumprimento na Justiça, inclusive com multas, se a empresa não corrigir suas falhas, todavia, o Sindigráficos espera a presença dela em reunião para tratar da questão”, diz o presidente da entidade de classe, Leandro Rodrigues. Além de ter que regularizar a data para o pagamento salarial, sob pena de multa por cada dia que deixar de pagar, como aborda a Convenção, os sindicalistas também exigirão o pagamento da 1ª parcela da PLR, a qual deveria ter sido quitada há quase um mês, no dia 5 de abril. O tema será tratado em reunião exigida à empresa pelo sindicato durante visita.

A regularização da data para a distribuição da cesta básica aos gráficos também será abordada durante a reunião. A Camargo e Thompson não tem adotado uma data predefinida para a entrega do benefício, diferente do que é praticado pela quase totalidade das empresas do setor gráfico na região. “Há muito tempo já existe uma data padrão para a distribuição que ocorre normalmente no último dia útil do mês ou no primeiro dia útil do mês”, fala Jurandir Franco, diretor do Sindigráficos. No entanto, esta pratica não tem sido adotado na Camargo, que ora entrega dia 5, ora dia 10, ou outros dias. O Sindicato, portanto, defende que seja regularizado.

camargo3Jurandir aproveita para convidar os gráficos da Camargo e das demais empresas a denunciar toda irregularidade ou sonegação dos direitos. O dirigente também convoca os trabalhadores para se sindicalizarem. A filiação é indispensável para manter a entidade de classe politicamente e economicamente fortalecida para continuar atuando em prol de todos.  A proposta de sindicalização está disponível no site. Associe-se AQUI! ”Preencha o formulário para fazer o pré-cadastro e ficar sócio do nosso sindicato, após a confirmação dos dados entraremos em contato para finalizar o cadastro”, ressalta Marcelo Sousa, diretor do Sindigráficos.