GRÁFICOS DA CUNHA FACCHINI BUSCAM APOIO DO SINDICATO PARA RESOLVER NOVO PROBLEMA DO CALOR

CUNHA1 CUNHA2

Dois anos depois de uma forte greve que durou quatro dias em razão de altas temperaturas, o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Gráfica de Jundiaí e Região (Sindigráficos) volta a pressionar a Cunha Facchini, em Itupeva, para revolver questões novamente ligadas ao calor na linha de produção e aos respectivos problemas sobre os funcionários. A pedido dos empregados, o órgão de classe está no encalço da empresa para tratar desta problemática. Uma reunião deve acontecer a qualquer momento, pois foi protocolada a convocatória na empresa para discutir esta problemática. Os trabalhadores reclamam, com razão, do número insuficiente de bebedouros e do excessivo calor na área de produção.

CUNHA4“Hoje o número de bebedouros instalados após a greve de 2013 não é mais suficiente, em face às mudanças do clima, onde o calor tem sido cada vez maior com o passar dos tempos”, comenta Leandro Rodrigues, presidente do Sindigráficos. Eis a necessidade da Cunha Facchini por mais bebedouros à disposição dos trabalhadores, a fim de deixar todos bem hidratados, mas também é preciso manter a temperatura da água sempre muito gelada para amenizar a sensação térmica que é altíssima.

Além disso, a empresa precisa implementar alguma medida para reduzir o calor excessivo no local, para evitar que altas temperaturas prejudicam a saúde do trabalho. Recentemente, a empresa Log&Print tomou essa iniciativa diante do movimento grevista que exigiu a respectiva ação. O Sindigráficos adianta que vai exigir a Cunha Facchini para climatizar, ou adotar outros métodos para baixar as altas temperaturas no local. Em caso da manutenção de todo calor, o sindicato solicitará que a empresa pague adicional de insalubridade, visto que tal benefício é uma medida estabelecida por lei. Desse modo, recorrerá a Justiça se for necessário.

CUNHA3

A Cunha Facchini têm 90 funcionários. “Os trabalhadores não podem  continuar sofrendo com todo esse calor excessivo”, diz Valdir Ramos, diretor do Sindigráficos. A reunião pode ocorrer na próxima semana. Em resumo, o Sindicato solicitará que se amplie os bebedouros e garanta água gelada, bem como crie métodos para reduzir o calor na produção. A grande maioria dos empregados já são sindicalizados e contam com plena proteção e total acompanhamento do órgão classe. “Una-se a nós e fique mais protegido junto do Sindgráficos”. Sindicalize-se AQUI!