Gráficos são impedidos de defender direito dos trabalhadores na Mundial Paper em Jaú

10672119_612049102238118_2455328970228518735_n

Nesta sexta, dia 3, a empresa Mundial Paper da cidade de Jaú de forma autoritária impediu que a categoria realizasse a assembleia legítima com os trabalhadores como parte da Campanha Salarial Unificada dos Gráficos 2014. Utilizando o poder político e econômico, policiais acompanhados de uma juíza e mais seguranças impediram que a categoria defendesse o direito dos trabalhadores.

“Isso é uma vergonha e fez com que sentíssemos na pele a influência do coronelismo que existe em diversas cidades do interior de São Paulo”, informa Leandro Rodrigues, presidente do Sindicato dos Gráficos de Jundiaí e região.

Os gráficos da FTIGESP (Federação dos Gráficos do Estado de São Paulo) pretendem retornar à empresa em um segundo momento mais preparados para que não volte a se repetir cenas lamentáveis como essa proporcionadas pelos patrões da Mundial Paper.