GRILLO REGULARIZA 2ª PARCELA DA PLR E CESTA BÁSICA E PAGA HOJE SALÁRIO DE GRÁFICOS FRENTE AÇÃO SINDICAL

1

Os trabalhadores da gráfica Grillo, em Itatiba, conviviam com problemas diante da não distribuição da cesta básica e do atraso salarial. O direito da Participação dos Lucros e Resultados também não estava regular. Cansados de sofrer calados, os gráficos decidiram denunciar a situação ao sindicato da classe (Sindigráficos) e os problemas começaram a ser resolvidos frente à pressão sindical. A empresa reconheceu as falhas e garantiu regularizar a entrega da cesta já a partir de novembro e a pagar os salários até o dia 5 de cada mês. Anunciou o pagamento em dinheiro das cestas pendentes nos últimos meses e fará levantamento dos dias de atraso salarial para apresentar valor de multas pela irregularidade. A 2ª parcela da Participação dos Lucros e Resultados (PLR), que deveria ser paga até o último dia 5, estava pendente. Com a pressão sindical, a gráfica Grillo se comprometeu em pagá-la na última segunda-feira (31).

3O Sindigráficos atuou para evitar um atraso maior do pagamento da 2ª parcela da PLR. A entidade confirmará se tudo foi regularizado mesmo. “Quando o trabalhador gráfico denuncia, o sindicato age”, disse Jurandir Franco, diretor sindical que atuou no caso. Na ocasião, foi descoberto inclusive que a 1ª parcela estava em aberto e os gráficos não haviam denunciado antes. O fato retardou a intervenção sindical, mas não evitou a ação, iniciando a negociação do pagamento. O Sindigráficos alerta os trabalhadores para denunciarem logo quando ocorre qualquer problema. A sindicalização também é fundamental para todos. Filie-se!

2Esta semana, a Grillo também pagará o salário dos trabalhadores como determina a Convenção. O pagamento deve ser feito até o dia 5 do mês, ou no primeiro dia útil antes, caso esta data caia em feriado ou domingo. Se atrasar, uma multa diária é aplicada no valor de R$ 47,15. É isso que vai acontecer na empresa por uma falha do setor contábil que pagava sistematicamente no 5º dia útil e não no dia 5 do mês. A ação resulta na  multa. O dinheiro é do gráfico. Nas próximas semanas, a Grillo terá que fazer e apresentar o valor total com as multas e a forma de pagamento.

A cesta básica também voltará a ser distribuída em novembro depois de apresentar problemas nos últimos meses. Além disso, o Sindicato exigiu a distribuição das cestas negadas. A empresa optou pelo pagamento em dinheiro e informou que pagou R$ 100 por cada cesta. “Resta agora a Grillo apresentar esses recibos”, exigiu o diretor sindical, Valdir Ramos, alertando que o valor atualizado da cesta na cidade agora é de R$ 125.