MORPHO DO BRASIL GARANTE REAJUSTE DO ABONO SALARIAL, DA CESTA BÁSICA E DO VALE-ALIMENTAÇÃO

MORPHOFINAL1 MORPHOFINAL2

Depois de uma das maiores greves na empresa em 2014, a Morpho do Brasil, localizada em Taubaté, no interior de São Paulo, decidiu pagar os direitos para não ver o poder da união e da mobilização dos gráficos. Apesar da atual crise financeira e do endurecimento dos empresários do setor no Estado contra os direitos e o salário dos gráficos nas empresas no território estadual, a empresa multinacional Morpho do Brasil decidiu fazer diferente. Enquanto o sindicato patronal quer arrancar a PLR da categoria e reduzir salários e rendimentos da classe, a Morpho, que teve perdas com a greve dos trabalhadores no ano passado, garantiu que manterá o abono salarial e ainda dará um reajuste de 10 por cento. Além disso, diferente do passado, pagará o benefício em uma única parcela este ano. Será pago no final deste mês, no dia 30. Toda a negociação foi liderada pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Gráficas (STIG) de Taubaté e Região. Os gráficos da empresa estavam dispostos a lutar pelo direito se fosse negado. O benefício foi aprovado em assembleia dos trabalhadores na última sexta-feira (6). Houve ainda a aprovação da melhoria de mais direitos.

ReuniãoO“Mesmo diante da crise e sobretudo do desejo do sindicato patronal que quer tirar os nossos direitos e reduzir salários, conseguimos avançar”, comemora Sandro Ramos, diretor do STIG Taubaté. O dirigente avalia que só houve o avanço devido à combatividade do sindicato e da classe. No ano passado, a Morpho queria retirar o abono, foi quando ocorreu a greve. Este ano, antes disso acontecer novamente, a empresa garantiu o abono e com aumento diante da inflação do último ano. Ele passou de R$ 700 para R$ 770 e será pago em uma parcela, ao invés de duas, como foi em 2014 (novembro e dezembro). Os R$ 770 serão pagos aos trabalhadores no próximo dia 30 de novembro.

MORPHOFINALAlém do reajuste e das mudanças positivas referente ao abono salarial, a empresa também aceitou atender as reivindicações do STIG Taubaté em relação ao reajuste da cesta básica e do vale-alimentação. A Morpho aumentou esses benefícios em 10,33 por cento. Este índice se refere à inflação dos últimos 12 meses até o mês de outubro. Desse modo, o percentual aumentará o valor atual da cesta básica (R$ 96,75) e do vale-refeição (R$ 15 por dia). O sindicato exigiu ainda um menor desconto no salário dos trabalhadores em relação ao vale-transporte. Pela lei o patrão pode deduzir até 6 por cento do salário, mas a entidade reivindicou apenas 4,5 por cento. A empresa acatou. Todos esses pontos foram aprovados em assembleia.

“Outro vez o STIG Taubaté conseguiu avançar em benefícios para os gráficos e sua família. É importante agora que todos os trabalhadores reconheçam a organização sindical e fortaleça a associação, através da sindicalização” frisou Ramos.

FONTE: FTIGESP