NA CONTRAMÃO DA CRISE, BERCRON AVANÇA COM MAIOR PRODUÇÃO, FALTA AGORA MELHORAR PARA OS GRÁFICOS

bercronB

A gráfica Bercron, com 50 funcionários em Valinhos, é outra empresa do setor que não sente os efeitos da crise econômica. Pelo contrário, vem  crescendo neste período. Ela aumentou a produção de tamanha forma que precisou adquirir novos equipamentos e maquinário, conforme os proprietários revelaram ao Sindicato dos trabalhadores (Sindigráficos). Na ocasião do encontro, que aconteceu há poucas semanas, a entidade de classe cobrou uma série de medidas em favor dos trabalhadores, até mesmo um acordo de jornada onde possibilite folgas remuneradas em sábados alternados, bem como defina melhor os horários de trabalho, a fim de evitar jornada excessiva dos empregados. A empresa sinalizou o interesse de atender a reivindicação posta. Desse modo, o Sindigráficos ficou de apresentar à Bercron no próximo mês, modelos de acordo de jornada de trabalho, já adotados em outras gráficas de Jundiaí e Região. A empresa também terá de apresentar comprovantes da regularização do FGTS dos funcionários, dos pagamentos dos salários e vales em dia, bem como das férias e da PLR, como já provou a regularização da Cipa.

bercron1“A possibilidade de fechar um acordo de jornada com folgas em sábados alternados é bem real porque a Bercron também mostrou interesse em organizar o horário de trabalho”, adianta Leandro Rodrigues, presidente do Sindigráficos. O interesse foi demonstrado pelos próprios donos da empresa, Danilo e Bruno Berto, durante uma reunião no mês passado. O dirigente informa que já está estudando os modelos de acordo que melhor se adéquam a empresa. Em todas as propostas, como é praxe do sindicato, haverá também a reivindicação da folga remunerada no dia 7 de fevereiro – data que se celebra o Dia do Gráfico.

Outros pontos resultantes de denúncias foram abordadas na ocasião da reunião dos sindicalistas com os donos da Bercron no último dia 10/03. A pauta tratou sobre possíveis problemas no pagamento do FGTS, PLR, salário mensal, vale quinzenal e hora-extra. E ainda sobre a concessão das férias, montagem da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e regulamentação de documentos relativos à saúde e segurança laboral.

BERCRONAEm relação ao FGTS, as denúncias apontavam atrasos desde 2013. A empresa confirmou a questão. Ela informou que já fez um parcelamento junto à Caixa Econômica sobre os atrasados de 2013 e 2014, e vem pagando. Quanto aos atrasos de 2015 e parte de 2016, comprometeu-se em pagar todo o débito no próximo mês.

Quanto às denúncias de atraso em salário mensal e vale quinzenal, a Bercron negou haver pendências. O mesmo se aplica para problemas no pagamento da PLR, exceto referente a partes proporcionais deste benefício sobre as verbas rescisórias dos funcionários desligados, mas levará o caso para o seu Departamento Pessoal avaliar caso a caso. O Sindigráficos, por sua vez, já solicitou que na próxima reunião seja apresentado os extratos bancários comprovando a transferência relativa a todos os pagamentos ditos como em ordem.

bercronCA empresa também disse que não problemas com a quitação das horas-extras. Os funcionários que discordarem devem entrar em contato com a entidade de classe. A Bercron também garantiu que tudo esta regular referente a concessão das férias dos trabalhadores. Assim, o Sindicato já solicitou que seja apresentado a situação individual de cada gráfico, demonstrando a data de vencimento das férias de todos empregados.

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) não apresenta problemas, conforme demonstrou a Ata de Posse da Cipa de 2015 e de 2016. Porém, ainda ficou pendente outras questões referente à proteção à saúde e à segurança dos trabalhadores no local. A Bercron, por meio do seu Técnico de Segurança do Trabalho, ficou de apresentar ainda o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA) e Programa de Segurança do Trabalho e Saúde Ocupacional Obrigatório (PCMSO), além do Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) dos trabalhadores. Um reunião específica será marcada para apresentação dos mesmos.