PROFESSORES PODEM ENTRAR DE GREVE EM RESPOSTA A AMEAÇA À VIDA DIANTE DA IMPOSIÇÃO PARA A VOLTA ÀS AULAS PRESENCIAIS MESMO COM A PANDEMIA SEM CONTROLE

O importante é salvar vidas, que não podem ser recuperadas como as aulas, afirma o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Heleno Araújo, que orientou seus sindicatos até a fazer greve, se for preciso. “Estamos orientando todos nossos sindicatos de base, que representam mais de um milhão de trabalhadores e trabalhadoras da educação, que façam greve se for preciso salvar vidas”.A posição do dirigente é uma resposta aos governos estaduais e municipais do país que insistem em discutir e até marcar data para a volta às aulas presenciais antes que a pandemia do novo coronavírus dê sinais de enfraquecimento, desconsiderando os riscos apontados pelas autoridades da área da saúde. LEIA MAIS 

FONTE: Com informações da CUT-SP