SINDICATO MONTA GABINETE DE CRISE PARA O ATENDIMENTO DIFERENCIADO DOS GRÁFICOS NESTE PERÍODO DE COVID-19

A partir de hoje (23), em atendimento à recomendação das autoridades de saúde para evitar o avanço das contaminações e mortes por Covid-19, todos os gráficos de Cajamar, Jundiaí, Vinhedo e Região contarão com uma central de atendimento virtual do Sindicato da classe (Sindigráficos). Além de um telefone fixo (11 4492 9020), a entidade disponibilizará mais dois números celulares (11 97199 2087 e 11 97166 9785) que também serão contatos de WhatsApp. A iniciativa visa permitir o diálogo do gráfico com sindicalistas sem o contato físico e risco de contágio de coronavírus. Para ter contato presencial no sindicato, caso o trabalhador sindicalizado fizer questão, só será possível via agendamento através desses números. A princípio, o atendimento diferenciado será mantido até o dia 15 de abril. O serviço jurídico também terá alteração e as homologações, recanto dos gráficos e festa dos 60 anos do sindicato estarão suspensos por enquanto.

O atendimento jurídico será feito exclusivamente por meio dos contatos telefônicos e whats mediante o agendamento. A medida visa preservar a saúde dos trabalhadores, bem como a do advogado do Sindigráficos, Luís Carlos Laurindo, que já tem 65 anos e está mais vulnerável ao coronavírus, conforme definem as entidades médicas. Doenças crônicas também são consideradas de grau de risco ao Covid-19. Em relação às homologações das rescisões contratuais dos empregados das gráficas, estarão suspensas até dia 15, inicialmente, para evitar o contato pessoal.

As blitz do Sindigráficos na porta das empresas, por sua vez, continuarão no período para o atendimento das demandas dos trabalhadores. Serão tomados todos os cuidados sanitários para evitar as contaminações pelo coronavírus. “Infelizmente, como a aglomeração de muitas pessoas seria inevitável entre trabalhadores e seus familiares no Recanto dos Gráficos em Itanhaém, o que potencializaria o risco de contaminação entre nossos associados e parentes, decidimos manter fechado até 28 de abril, período que as autoridades sanitárias estimavam o pico de casos do coronavírus”, explica Leandro Rodrigues, presidente do Sindigráficos.

Pela mesma razão de evitar aglomeração e risco à saúde, ficará suspensa a festa de 60 anos do Sindigráficos. “Como o evento está planejado para 2 mil pessoas, entre associados e seus familiares, uma reunião dessa multidão poderá agravar significativa as contaminações do Covid-19 entre elas e sérios problemas depois”, conta Leandro. O evento será realizado depois do surto desta pandemia. O Sindigráficos aproveita para alerta as pessoas que tomem cuidado. Lavem as mãos e evitem contatos pessoais.