Tag Archives: Campanha Salarial Unificada

Trabalhadores da Safran Morpho entram em greve

Safran Morfho (2)

A greve dos gráficos começou pela empresa Safran Morpho em Taubaté. Os trabalhadores da empresa multinacional paralisaram as atividades por tempo indeterminado na manhã desta quinta-feira (13). O movimento foi organizado pelo STIG Taubaté, que tentou negociar com a empresa por diversas vezes, mas os patrões se mostraram inflexíveis.

Esta é a primeira empresa que paralisa as atividades durante a Campanha Salarial Unificada dos Gráficos, que deverá estender o movimento paredista para outras gráficas do Estado de nos próximos dias, conforme orientação da Federação dos Gráficos do Estado de São Paulo (FTIGESP).

Na última terça (11) não houve acordo na terceira rodada de negociações entre a Federação e o Sindicato Patronal (SINDIGRAF), com isso houve a orientação para os gráficos realizarem paralisações relâmpagos. Esta ação deverá acontecer até o próximo dia 18, quando será realizado a rodada decisiva de negociação.

Sem acordo, categoria fará paralisações relâmpago a partir desta quarta

3ª-rodada-de-negociações

Comando dos gráficos do Estado de São Paulo estão firmes nas negociações para conquistar o Aumento Real para a categoria

A terceira rodada de negociações entre a FETIGESP (Federação dos Gráficos do Estado de São Paulo) e SINDIGRAF (Sindicato Patronal), realizada nesta terça-feira, dia 11, terminou sem acordos e foi convocada uma quarta rodada de negociações para o próximo dia 18 de novembro.

O presidente da FETIGESP, Leonardo Del Roy, informa que nos próximos dias as mobilizações nas portas das fábricas serão mais firmes e a partir desta quarta-feira, dia 12, serão iniciadas paralisações relâmpagos em diversas empresas do Estado de São Paulo.

“Temos uma semana para a próxima rodada de negociações e daremos um recado claro para o setor patronal, que se não houver avanços nos salários dos trabalhadores iremos paralisar as máquinas por tempo indeterminado”, afirma Leonardo.

Aumento Real já ou as máquinas vão parar!

campanha-2014_web

A Campanha Salarial Unificada dos Gráficos entra na semana decisiva com a terceira e última rodada de negociações programada para esta terça-feira (11) entre a FETIGESP (Federação dos Trabalhadores Gráficos do Estado de São Paulo) e o SINDIGRAF (Sindicato Patronal).

Segundo o presidente da FETIGESP, Leonardo Del Roy, há possibilidade da categoria decretar estado de greve a partir desta terça-feira caso o setor patronal não apresente propostas nesta rodada de negociação.

A categoria reivindica 6% de aumento real e reposição de 100% da inflação acumulada no período de 1º de novembro de 2013 e 31 de outubro de 2014, além de cláusulas preexistentes na Convenção Coletiva. Os gráficos também reivindicam solução para a rotatividade nas empresas, que cresceu 82% em 2013.

Assembleia na gráfica Flor de Maio em São Paulo

10660178_628515893924772_6911187897547700944_n

Na tarde desta quinta-feira (6) realizamos uma assembleia com os trabalhadores da gráfica Flor de Maio, em São Paulo. A mobilização foi realizada em conjunto com o STIG São Paulo e totalizou até o momento a 36ª assembleia da Campanha Salarial Unificada no Estado de São Paulo.

A Campanha Salarial chega em um momento decisivo a partir da próxima semana com a realização da terceira e última rodada de negociações com o SINDIGRAF  (Sindicato Patronal) nesta terça-feira (11).

Até o momento os representantes do Sindicato Patronal só apresentaram proposta de reajuste de 100% do INPC e se eles não forem mais flexíveis nas negociações à categoria poderá decretar estado de greve por prazo indeterminado. “E VAMOS À LUTA”