TEMER COMEMORA VITÓRIA NA CÂMARA E PROMETE MAIS REFORMAS CONTRA VOCÊ. COMEÇARÁ PELA PREVIDÊNCIA

Em pronunciamento na noite desta quarta-feira (2) após a votação positiva que obteve na Câmara dos Deputados, o presidente Michel Temer declarou que a decisão do Parlamento foi uma “conquista…” e que continuará trabalhando pelas reformas econômicas propostas em seu governo. A “conquista” falada é que 263 deputados federais dos 513 negaram a autorização para que ele respondesse a processo no STF por corrupção com base em denúncia da Procuradoria Geral da República.  E a prioridade agora é a reforma da Previdência, como já disse ontem mesmo o ministro de Temer, Eliseu Padilha, que já será reorganizada para votação. como já disse o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ), adiantando ser preciso recompor os partidos da base aliada de Temer na Câmara para alcançar os 308 votos mínimos necessários para aprovar a matéria.

Barrada no plenário da Câmara a denúncia pelo crime de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer, o governo planeja retomar a agenda de reformas. A prioridade permanece na reforma previdenciária, conforme afirmou o ministro Eliseu Padilha (Casa Civil). “As contas do Brasil não podem cair no descontrole absoluto. Temos que retomar e concluir a reforma da Previdência”, afirmou.O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) disse inclusive que a votação da reforma da Previdência em plenário terá de ser reorganizada. Segundo ele, será preciso recompor os partidos da base aliada, para alcançar os 308 votos mínimos necessários para aprovar a matéria.

VEJA AQUI CADA DEPUTADO QUE DEFENDEU TEMER PARA QUE ELE AGORA POSSA ATACAR SUA APOSENTADORIA

FONTE: Com informações do G1, UOL, JC e Pragmatismo Político.