LOG&PRINT GARANTE EM REUNIÃO COM SINDICATO REGULARIZAÇÃO DO FGTS VIA PARCELAMENTO NA CAIXA E AJUSTE DA CESTA BÁSICA

Desde que começou a pandemia no ano passado, o governo federal criou medidas em socorro das empresas, afetando direitos dos trabalhadores. O FGTS dos gráficos foi um desses prejuízos. Muitos empresários deixaram de recolher mensalmente, amparados por essas medidas. O problema é que agora nem todos os patrões regularizaram as contas. Tampouco esclarecem aos gráficos se ou quando pagaram os períodos ainda em aberto. O Sindigráficos, em empresas com sindicalizados, tem buscado informações e cobrado tais regularizações, conforme realizado em reunião com diretores da Log&Print em Vinhedo. No encontro foi possível constatar que está devidamente regularizado.

Com mais de 20% dos 500 gráficos associados, o Sindicato se reuniu com o diretor Caio Graco e a gestora de RH da Log&Print, Edineia. Além da questão do FGTS dos trabalhadores desde antes do início da pandemia, também foi abordado sobre a cesta básica, sobretudo depois da nova convenção da categoria ter elevado a quantidade de gêneros alimentícios. Diferente de supostos problemas, a empresa garante que, desde outubro, já incluiu na cesta os alimentos conquistados pelo Sindigráficos durante a campanha salarial realizada há poucos meses.

Tudo foi esclarecido também quanto ao FGTS. Durante a reunião, gráficos sindicalistas que trabalham no local, Valéria e Cidão, participaram dos debates. Acompanharam o presidente do Sindigráficos, Leandro Rodrigues. A empresa comprovou que fez tudo de acordo com as medidas de Bolsonaro ao permitir o atraso do depósito do FGTS e ainda parcelar o pagamento depois. A Log&Print parcelou junto à Caixa o período de março de 2020 até fevereiro do ano passado, garantindo que tudo está então regularizado.

Esse tipo de procedimento é feito de forma coletiva e não em conta individual do FGTS de cada gráfico. Por isso, impede que o empregado acompanhe tal atualização, mas está garantido o pagamento por completo em caso de demissão. Em relação ao período em aberto de março/21 até novembro/21, a Log&Print já regularizou e comprovou tudo. Mas, segundo a empresa, mesmo pagos, a Caixa ainda não atualizou os meses de março e abril em seu sistema de dados. O Sindigráficos sempre estará em defesa da categoria, sobretudo em empresas que os trabalhadores não se isentam de fortalecer a entidade através da adesão à sindicalização. Seja você também um associado.